sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Como limpar seu nome no SPC e SERASA (cuidado com fraudes)



Desde já esclareço que não revelarei nenhuma fórmula mágica para limpar seu nome, porque elas simplesmente NÃO EXISTEM.

A única forma de limpar seu nome no SPC e SERASA é negociando com o credor. De preferência, após uma análise criteriosa de sua dívida, acompanhada por um contador e por um advogado, a fim de eliminar encargos abusivos e para poder falar “de igual pra igual” com o credor.

O Judiciário Paulista, em sua maioria, é favorável aos bancos. Ações revisionais de financiamento, na minha opinião, são mera perda de tempo. Vivemos em um cenário em que os bancos podem tudo, os consumidores não podem nada. Porém, quando o credor ajuíza uma ação revisional, uma cautelar de exibição de documentos, etc., e fica inadimplente por um tempo, os próprios bancos oferecem boas condições de parcelamento e redução da dívida.

Importante frisar que nem sempre isso acontece; porém, eu já vi uma dívida de R$ 60 Mil ser reduzida para R$ 18 Mil e parcelada em 36 vezes (Banco Itaú); vi outra dívida de R$ 14 Mil ser reduzida para R$ 5.400,00, parcelada em 6 vezes (BV Financeira). Não temos garantia de que estes números se repitam, mas creio que seja possível conseguir bons acordos.

Um erro é seguir com o processo até o final e confiar na sentença. A Justiça está a favor dos bancos em 99% dos casos. Durante o processo, é interessante que o advogado pegue o processo no cartório e vá sondar o juiz a respeito da opinião dele sobre determinados temas. Assim o advogado pode ter uma noção do que o juiz pensa sobre esta questão. Geralmente só existem dois tipos: os que são totalmente a favor do consumidor e os que são a favor dos bancos.


Cuidado com sites fraudulentos

Alguns sites pela internet prometem que vão limpar seu nome em determinado período de tempo, porém, sempre pedem o pagamento adiantado. O valor varia de R$ 100,00 a R$ 1.000,00 Reais. Geralmente os depósitos são feitos na Caixa Econômica Federal por meio de lotéricas, diretamente na boca do caixa. Assim, o golpista consegue sacar o dinheiro de forma fácil e rápida. (Observação: o fato de tal site pedir para fazer o depósito em qualquer outro banco não significa que o trabalho seja sério).

As pendências podem até ser retiradas por um tempo, mas logo depois as baixas fraudulentas são constatadas pelo sistema, os credores são notificados e as pendências voltam a aparecer.

Suponhamos que alguém te deve um valor; você coloca no sistema e algum mau-funcionário do SPC/SERASA ou um hacker entre no sistema e baixe a pendência. Em determinado momento vc será avisado por meio de um boletim (geralmente mensal) de que a dívida foi retirada; verificará que não foi você quem retirou e a colocará novamente.

Quando isso ocorre, o golpista já desapareceu e a vítima continua com o nome sujo e sem o dinheiro.


Cuidado com a venda de “manuais” para limpar o nome

Existem sites que prometem ensinar o interessado a retirar, sozinho, seu nome do SPC e SERASA. A maioria desses sites agem de má-fé e não deixam claro que estão apenas vendendo modelos esdrúxulos de petições porcas, a preço de ouro. Eles fazem de conta que é fácil fazer uma petição qualquer negando a existência da dívida, protocolá-la nos Juizados Especiais (onde não é obrigatória, a menos a princípio, a presença do advogado) e seu nome estará limpo. O Judiciário não é bobo: não é fácil obter uma liminar como esses golpistas dizem. É preciso que seja comprovado que as alegações são verdadeiras e que o autor da ação corre risco de sofrer algum dano se a negativação for mantida.


Cuidado com pagadores de dívidas

Alguns golpistas alegam pagar boletos de dívidas e tributos com 50% de desconto, quando na verdade apenas pegam o dinheiro da vítima, alteram o boleto com programas de computador, mudando seu valor para centavos. O golpista vai, paga o boleto e a prestação aparece como paga. O sistema chega a fazer a baixa, porém, quando o credor vai verificar o valor do recolhimento, a fraude é constatada. O credor voltará a cobrar a dívida “paga” e pode até denunciar o devedor pela tentativa de fraude.

Gente, milagre quem faz é Deus, o resto é conversa fiada que não enche barriga. Vamos trabalhar porque quem quer levar vantagem geralmente acaba dando dinheiro para bandido e chora sobre o leite derramado. A maneira mais fácil de ser enganado é acreditar ser mais esperto que os outros (Charron).

Seu nome está no SPC e SERASA? As dívidas são maiores do que sua capacidade de pagamento? Podemos fazer um estudo de sua dívida a ajudá-lo a negociar com seus credores – sem prometer milagres!

Um comentário:

cris disse...

estou c nome spc e abri uma loja c cnpj e tudo corro risco d a mesma ser enpenhorada por nao fazer o acordo c cobradores?